0

O marcapasso é um dispositivo que monitora o ritmo cardíaco e estimula o coração, evitando que os batimentos fiquem abaixo do ideal.
O aparelho é colocado próximo ao coração por meio de um procedimento cirúrgico simples. Assim como em outras cirurgias, o paciente deve seguir alguns cuidados.

A recomendação é evitar a prática de exercícios físicos, esforços e movimentos bruscos nos primeiros 30 dias. Após o período de recuperação, a maioria dos pacientes pode praticar atividades físicas. Esportes que envolvem contato e levantamento de peso, no entanto, devem ser evitados ou feitos com supervisão já que podem danificar o aparelho.

Marcapasso cardíaco

Os portadores do marcapasso podem ter uma vida normal, porém algumas mudanças de hábitos são necessárias. É muito importante que a pessoa tenha na carteira as informações sobre o dispositivo, situação de saúde e contatos de emergência. Em locais com detector de metal, como aeroportos e bancos, é necessário apresentar a carteira de portador já que o aparelho pode apitar.

Pacientes com marcapasso devem ficar numa distância superior a 15cm de aparelhos eletrônicos. O celular deve ser usado preferencialmente do lado oposto ao que o marcapasso está instalado e nunca deve ser guardado no bolso da camisa, principalmente se estiver ao lado do dispositivo.
Aparelhos mais atuais são protegidos contra a influência de eletrônicos, mas ainda sim é importante ficar atento.

A mesma recomendação vale para ressonância magnética. Embora marcapassos mais modernos permitam a realização do exame, cabe ao médico avaliar a possibilidade.

Por fim, é fundamental seguir todas orientações médicas com cautela e fazer o check-up para garantir o funcionamento do marcapasso e permitir que o paciente tenha uma vida normal e saudável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *